As Estrelas Sabem



Ler possibilita Juliana viver diversas experiências – desde um amor avassalador na época vitoriana até uma viagem espacial. E está tudo bem por isso: é melhor suspirar por um casal com certeza de final feliz a sofrer com medo de uma decepção grande demais. Entre um primeiro amor que retorna com força a sua vida, um admirador misterioso que lhe manda livros de presente e os galanteios de seu atual crush, que poderia ser protagonista de vários de seus romances clichês preferidos, Juliana tenta se manter uma romântica no plano ideal, enquanto, no mundo real, faz o que aprendeu com sua série-nerd-intergaláctica preferida: amor? Evite, se possível.

Mas essa decisão fica difícil quando os três parecem dispostos a tirar Juliana da sua zona de conforto. E a garota precisará decidir até que ponto se colocar dentro de histórias e fugir da vida é uma atitude correta ou se está na hora de começar a aceitar as diferenças que carrega em si e viver, sem medo de se machucar.

Fernanda Campos é psicóloga por formação e escritora por vocação (ou vice-versa). Sonhou em estudar em Hogwarts, mas foi morar no Condado, onde vive um amor por um Hobbit. Problematizadora viciada em café e mais chata que o Frodo carregando o Anel pela Terra Média. Se não for para te tirar da zona de conforto, nem abre a boca para dizer qualquer palavra. Escreve sobre saúde mental, feminismo, amizade e, talvez, no final, amor. É autora do livro Uma Dose de Café (Ed. Multifoco, 2012) e seu romance adolescente Relicário ganhou o Wattys 2017 na categoria Originais. Para facilitação de stalkers, @nanzcampos para qualquer rede social.

 

Postar um comentário

0 Comentários